[Dica da Semana] Antes da Meia-Noite

Antes-da-Meia-Noite-poster

Coincidentemente, meu primeiro contato com a franquia de filmes “Antes do Amanhecer” (1995) aconteceu às vésperas da estreia do terceiro longa aqui no Brasil, o Antes da Meia-Noite (2013), que chegou aos cinemas no Dia dos Namorados. Um mês antes, li a sinopse de “Antes do Pôr do Sol” (2004) – o segundo da série – no verso do DVD em uma loja, assisti e me apaixonei. Valeu cinco estrelinhas. Então, descobri que havia um filme anterior, que deu origem àquilo tudo, e também o vi, aguardando ansiosamente pelo terceiro, que teve sua primeira exibição no Festival de Sundance. E eu gosto de Sundance.

Como disse, eu vi antes o segundo filme da franquia – que continua sendo meu favorito. Mas hoje quero falar do “Antes da Meia-Noite”, esse que está nos cinemas e você deveria ir assistir. Estrelado por Julie Delpy e Ethan Hawke, que dão vida ao casal Céline e Jesse, e também co-assinam o roteiro com o diretor Richard Linklater, o filme acompanha o casal em uma viagem à Grécia, 18 anos depois do seu primeiro encontro em um trem rumo à Viena.

20257023.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

Logo na segunda cena, descobre-se que os dois se casaram após o segundo encontro, em Paris (retratado no segundo filme), e tiveram duas filhas. Assim, o espectador entende que eles tiveram uma vida em comum, finalmente, e que a gente perdeu isso! Ineditamente, não acompanhamos todos seus dias! É um cenário completamente novo, com os dois íntimos, envelhecidos e mais cômicos do que românticos – como acontece com toda relação de amor, que tende para a amizade com o passar dos anos. Sim, eles ainda estão apaixonados e, sim, ainda são nosso casalzinho favorito, mas agora eles se conhecem mais e se idealizam menos.

“Antes da Meia-Noite” traz tudo o que um relacionamento de anos pode trazer: ressentimentos, cobranças, rotina, cumplicidade, confiança e comprovação do amor. Basicamente, tudo o que eles não tinham nos filmes anteriores. Antes, as situações dos encontros eram muito especiais, com personagens muito realistas e carismáticos. Agora, as situações são realistas e carismáticas e eles que se tornaram especiais. Não há mais espaço para o ideal.

before-sunrise-movie-poster-01

A experiência, repito, é totalmente diferente dos roteiros anteriores. Até mesmo o título – “Antes da Meia-Noite” – induz ao erro. Agora, eles não têm mais um limite de tempo para passarem juntos, como no primeiro, que poderiam se conhecer até o amanhecer, ou no segundo, quando matariam a saudade até o anoitecer. Pelo contrário, agora têm uma vida inteira para trás e para frente. Dos anteriores, permanece a linguagem: os diálogos incríveis, as cenas longas, e o fluxo de pensamento oral da Céline. A segunda cena é um plano sequência interminável (de bom) dos dois dentro de um carro, dirigindo para o hotel. A sensação é a de assistir ao pay per view de um reality show.

Eu gostei e acho que você também vai gostar 😛 Caso não tenha visto os filmes anteriores, não tem problema. Dá para assistir independentemente disso. Mas, claro, tudo fica melhor se você conhece a história completa da trilogia. Os filmes são facilmente acháveis na Internet. Aproveite. São românticos, mas não são melosos, com potencial para agradar a todos. A dica da semana é essa.

Anúncios

Uma resposta para [Dica da Semana] Antes da Meia-Noite

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s