Fim de namoro, sadismo e clichê mexicano

Quando alguém descobre que você terminou um namoro (e hoje em dia, todo mundo toma conhecimento ao mesmo tempo, quando você muda seu status no Facebook), imediatamente quer saber o motivo (e todo mundo pergunta ao mesmo tempo, em uma espécie de coletiva de imprensa). Ninguém pergunta se você tá bem, se você tá mal, querem saber o porquê. A fofoca fala mais alto.

Você responde, diz que tudo ocorreu amigavelmente, que não houve conflito. O ouvinte murcha, broxa com a falta de emoção da história. A euforia dá espaço a uma desconfiança. “Mas será que foi só isso mesmo? Será que não tem outra/outro na história?” Você acredita que não. “Hm, não sei hein. Você não percebeu nada diferente?”.

As pessoas querem te ver no fundo do poço: arrasado, aos prantos, corno, como nas novelas mexicanas. De preferência, trocado(a) pelo(a) melhor amigo(a). Senão, por que terminar? Não há motivo. Tem que ter bafo, polêmica, fuzuê. Caso contrário, ninguém vai se interessar. Não dá audiência.

Outro dia, uma pessoa, que vive um relacionamento totalmente destrutivo, me disse “pelo menos, não nos traímos”, como se isso explicasse tudo, como se fosse 100% de uma relação. Não é. Há tantas formas de se trair, além da infidelidade sexual. Tenho a impressão de que tem muita gente suportando namoros de merda, mas monogâmicos, por conveniência ou conformismo.

Só isso explicaria a sede das pessoas por ter um vodu para alfinetar quando um namoro termina. Um não, dois. As pessoas querem odiar, xingar, tomar partido e se voltar contra o/a traidor(a) e o/a amante. É a forma de mostrar solidariedade. A única forma.

Anúncios

Responder a Fim de namoro, sadismo e clichê mexicano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s