Rio de Janeiro em obras

Ruas esburacadas e barulhentas no que estão chamando ironicamente de Operação Asfalto Liso. Do Maracanã, só restou a carcaça. O Sambódromo, também destruído: metade das arquibancadas viraram pedregulhos. Na Cidade Nova, uma estação de metrô pouco discreta. Na Avenida das Américas, a Cidade da Música não passa, há anos, de um trambolho cinzento. O Canecão, um galpão abandonado. E ainda vem TransCarioca e rodoviária nova por aí.

Se fazer obra em casa já é um transtorno, eleve isso à décima potência quando se trata de uma cidade inteira. Para onde olho, há placas de reparos, obras e interdições. Está tudo destruído, tudo esburacado. Tudo diferente. Por um momento, tive um insight e não encontrei o maravilhoso que dizem que a cidade tem.

Pensei: só se for de cima (a vista que se tem do Corcovado é um dos poucos orgulhos que tenho por ser carioca e morar no Rio de Janeiro). Mas lembrei que vi na TV outra dia uma imagem de helicóptero e o Maracanã depredado era quase tão deprimente quanto visto aqui de baixo.

O progresso da bandeira nacional chegou à cidade, parece. Em 2014 (esse ano já é um clichê nos meus ouvidos), tenho a impressão de que o Rio será outro. E não dá mais tempo para se despedir do Rio antigo. Ele já não existe. Já estamos na empoeirada e cinzenta transição. É o progresso, ainda que desordenado.

Responder a Rio de Janeiro em obras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s