Cobertura da abertura do Festival do Rio

Festival do Rio começa com críticas políticas 

A abertura do Festival do Rio reuniu famosos e cinéfilos nesta quinta-feira, 23, no Odeon. O filme de estréia foi “A suprema felicidade”, de Arnaldo Jabour, com Dan Stulbach, Mariana Lima, Elke Maravilha, Jayme Matarazzo e Marco Nanini no elenco. “A volta de Jabour para o cinema já torna o filme um grande acontecimento”, afirmou Nanini. Durante a cerimônia de abertura do evento, que teve ausência do prefeito Eduardo Paes, os porta-vozes não deixaram de lembrar da situação política atual. 

A criadora do festival, Walkiria Barbosa, fez um discurso defendendo a democracia, os direitos audiovisuais e o combate à pirataria. “Não queremos essa lei que nos proíbe e censura”, disse. Arnaldo Jabour não ficou atrás e criticou o governo carioca: “Fomos governados por canalhas e robôs. Agora, acontece a renascença cultural dessa cidade.” 

O festival acontece até dia 7 de Outubro e outras estréias nacionais e internacionais estão previstas para acontecer nessa maratona cinematográfica. Guilhermina Guinle, de Ti ti ti, aproveitou a estréia do evento para fazer propaganda do filme do irmão, Charly Braun. Ele está dirigindo “Além da estrada”, que conta com produção dela. “Eu amo cinema. Depois que entrei nessa carreira, me interessei mais. Fiz faculdade, me casei com um cinéfilo e aprendi que quanto mais você sabe sobre cinema, mais você gosta”, contou. 

Outros famosos, no entanto, dispensaram a autopropaganda. Marcelo Serrado, Ana Paula Arósio e José Wilker – que também estão em filmes lançados essa semana no Festival do Rio – não pararam para falar com a imprensa, deixando os jornalistas presentes irritados. 

Veja mais fotos no Flickr da Plus Tv

Por Leonardo Torres
Fotos: Thatiana Albuquerque
Publicado no Portal Plus Tv
http://portalplustv.com.br/celebridades/festival-do-rio-comeca-com-criticas-politicas/  

 

Gretchen não fala sobre fim do casamento

abertura do Festival do Rio nesta quinta-feira, 23, a cantora trash Gretchen evitou o tema casamento. “Não vou falar sobre isso. Vim para falar do filme”, disse, aversa. Tal postura só vem a reforçar os boatos de que ela estaria se separando do seu quinto marido.

O filme que ela tanto quer falar é o documentário “Gretchen Filme Estrada”, que estréia sexta-feira, no Odeon Petrobrás, no Rio de Janeiro. Gretchen estava acompanhad do filho, Gabriel (que na sua pronúncia é Gaybriel).

Por Leonardo Torres
Fotos: Thatiana Albuquerque
Publicado no Portal Plus Tv
http://portalplustv.com.br/celebridades/gretchen-nao-fala-sobre-fim-do-casamento/

 

Daniel Filho ironiza escolha de Lula para Oscar

O diretor Daniel Filho aproveitou o ínicio do Festival do Rio nesta quinta-feira, 23, para comentar a escolha da biografia de Lula para representar o Brasil no Oscar. “Acho que a votação foi política. Havia outras opções melhores que essa. Qual é o nome mesmo? Lula, dono do Brasil?“, brincou ele, ironizando o nome do filme, que é Lula, filho do Brasil.

Vai ver Daniel esperava que o filme que ele dirigiu, Chico Xavier, fosse o escolhido. A bilheteria dele foi muito maior que a de Fabio Barreto. Chico Xavier também venceu a enquete realizada no site do Ministério da Cultura que perguntava qual deveria ser o representante brasileiro no Oscar. Mesmo assim, é Lula que vai.

Por Leonardo Torres
Foto: Thatiana Albuquerque
Publicado no Portal Plus Tv
http://portalplustv.com.br/celebridades/daniel-filho-ironiza-escolha-de-lula-para-oscar/

 

Gisele Itié vai gravar filme no México

Gisele Itié foi acompanhada do seu namorado, Caio Junqueira, à abertura do Festival do Rio, mas confessou que não sabia direito quais os filmes estavam previstos na maratona. Ela só chegou no Brasil semana passada: “Estava viajando por Los Angeles e Las Vegas divulgando ‘Os Mercenários’ (filme de Sylvester Stallone)”, contou.

Ela aproveitou para falar de seus novos projetos. Afastada da Tv desde o fim de ‘Bela, a feia’, da Record, ela continuará seguindo seu caminho no cinema. Seu próximo trabalho é um filme que vai ser rodado no México, país em que ela nasceu. “Nasci lá, mas sou brasileira. Vai ser a primeira vez que gravo lá, mas não posso falar mais. Ainda é segredo”, se esquivou.

Enquanto ela contava tais novidades, Caio Junqueira se preocupava porque não sabia se iam conseguir assistir ao primeiro filme do festival – A suprema felicidade, de Arnaldo Jabour. “Tem muita gente aqui. Não sei se vamos conseguir entrar. Mas fomos convidados!”, contou.

No fim das contas, ambos entraram sem maiores dificuldades.

Por Leonardo Torres
Foto: Thatiana Albuquerque
Publicado no Portal Plus Tv
http://portalplustv.com.br/celebridades/gisele-itie-vai-gravar-filme-no-mexico/

Responder a Cobertura da abertura do Festival do Rio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s