Embarque imediato pelo portão…

Ok, vou fazer o que tenho me negado nos últimos tempos. Vou pensar. Digo, pensar sobre isso, porque obviamente que eu vivo pensando em muitas coisas. Ah, como eu penso! Eu acho que penso até demais. Leonardo, o pensador. Já pensei em usar esse nome, mas aí seria plágio. Cópia não é legal. Volta e meia eu admiro projetos alheios e os adapto de alguma forma para eu… copiar. Nunca chego a fazê-los, porque isso de cópia não é legal. Não é não. Mas, as vezes, eu penso em fazer. Confesso. Bem, o que eu tava falando mesmo?

Ah, é. Vou pensar. Ca-ra-ca! É amanhã. Totalmente louco isso. Tô caminhando para o que sempre quis, desde mulequinho. É dessas coisas que a gente quer e nem sabe porquê – como desejo de mulher grávida. Eu não sei mesmo. Mas durante toda a minha senti que havia algo guardado para mim por lá. Algo que eu devia descobrir o que era. Cara, é emocionante finalmente ir e descobrir. Bem, eu já descobri, na verdade, antes de ir – o que é mais louco ainda! Mas eu tenho que ir para viver a descoberta.

Tô parecendo louco? As vezes eu tenho esse medo de parecer louco. A minha avó é. Desconfio que minha mãe também tenha uns parafusos a menos. Não duvido que eu seja meio bitolado também. Devo ser. Mas também não vamos explanar isso por aí. O que eu quero dizer é que embora possa parecer para todo mundo uma grande loucura tudo que está se passando (e, por isso, eu evito comentar com a galera), eu tô feliz. Não é isso que a gente busca a vida toda? Ser feliz. Não importa como. Não tô passando por cima de ninguém, que é a minha única exigência, então… que seja loucura! Tô nem aí. É uma loucura pra lá de feliz.

Tenho que acabar esse texto antes que ele saia do banho, senão vai reclamar que eu não tô dando atenção a ele no nosso último dia. É engraçado isso. Último dia antes da viagem, quero dizer, porque na verdade tudo está só começando. A loucura que eu me referia, digo. Você tá me entendendo? Eu tô falando sem falar, sabe? Há muito tempo eu não fazia isso. Se você não me entender, desculpa, mas a idéia é essa.

Resumo lógico e objetivo pra você: amanhã viajo para Buenos Aires e só volto no dia 15. Dia 16 já tem aula. Então, não sei quando volto a postar. Espero que não demore. Vou sentir saudade. Gosto de escrever, você sabe. Na primeira oportunidade, vou estar escrevendo. Juro. Vou ter muito a escrever, com certeza. Adoro quem me lê, de coração. Um dia quero escrever um livro – esse é o meu próximo sonho a ser realizado, vou me dedicar. Que que eu tô falando hein? Vou nessa. Tchau, tchau.

Anúncios

Responder a Embarque imediato pelo portão…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s