Fama

Quando eu era criança, queria ser famoso. Enquanto meus amiguinhos pensavam em ser professores, veterinários, astronautas e superheróis, eu pensava em algo que me desse fama. Cresci e essa neura ficou pra trás. Hoje em dia, ao contrário, não quero nada disso. Meus amigos é que querem. Parece que é o que todo mundo quer hoje em dia: dar autógrafos e ser capa de revista.

Eu acho que isso de ser famoso deve ser tão chato. Claro que é algo que mexe com a vaidade e o ego de qualquer um. A princípio, deve sim ser muito divertido sair na rua e ter que tirar fotos com desconhecidos que te amam. Mas e depois? Eu acho que é uma barra. Fora a parte do assédio dos fãs, que te limita totalmente, há ainda os paparazzis. Esses devem ser enlouquecedores.


(ver até o final – acho que esse vídeo exemplifica bem o que estou falando)

Fora essa loucura do dia a dia, ainda há a questão de abrir mão de si próprio para ser um exemplo. E aí deve-se estar sempre sorrindo, muito solícito, jamais mal humorado. Deve-se responder as perguntas mais íntimas e absurdas do mundo com paciência e carisma. Agora, você deve satisfações dos seus atos ao público. Adeus, liberdade. Adeus, privacidade.

Ter a sua vida transformada em produto. Se tornar um objeto comercializável. Ser explorado até não valer mais. Imagina: acordar e ver um monte de mentiras sobre você estampadas na capa da Tititi (há!). Saber que todo mundo discute e opina sobre a sua vida. Admiro quem se presta a isso e não pira. Não sei quanto tempo eu aguentaria até começar a fazer a Carolina Dieckmann e distribuir patadas ou a Amy Winehouse e distribuir porradas. E olha que eu nunca bati em ninguém. Bati?

Sei não. Abre-se mão de muita coisa pela fama. Não sei se vale a pena. Não sei se vale a pena nem arriscar. As vezes, é um caminho sem volta. E aí até a morte é explorada. Nível Michael Jackson.

Anúncios

Uma resposta para Fama

  1. OIE Léo!!!!

    Quer dizer que muito do Leozinho que conheci anos atrás foi-se…. embora pra algum lugar!!! Ou será que ficou adormecido? Talvez presente apenas nas minhas lembranças!!!

    Parabéns pelo seu blog e pelo domínio da língua portuguesa, da escrita, enfim. Por gostar de escrever desde menina admiro aqueles que também carregam esse dom.

    Não deixe de visitar o meu:
    Demissão sem trauma -> http://blig.ig.com.br/bylapidandotalentos/

    Beijos Jaqueline

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s