Busca-se namorado perfeito pra mulher desesperada

traida

Todas as minhas amigas solteiras estão desesperadas por um namorado. Às vezes me pergunto se elas têm mesmo essa necessidade extrema de ter alguém do lado, ou se tudo não passa de um troféu a ser erguido. Você sabe: faz parte do pacote do sucesso ter um namorado. Estar sozinha é mais ou menos como um carimbo de falha bem no meio da testa. A velha “antes só do que mal acompanhado” só vale da boca pra fora. Ninguém quer ser a “solteirona”. Elas preferem um mau partido, do qual possam reclamar na rodinha de amigas, do que uma lacuna em branco. Digo isso porque tenho outras amigas que mantêm relacionamentos perceptivelmente (para qualquer um!) degenerativos só para não “se verem de volta ao mercado”. E haja aspas.

Viver de aparências. Acho que o erro está justamente aí. Em vez de se perguntar “por que aquela biscate tem um namorado e eu só atraio problemáticos?”, elas deveriam fazer outro autoquestionamento. Eu ficaria com “se eu fosse um cara, iria querer manter um relacionamento comigo mesma, neste momento da minha vida?”. Talvez algumas percebam que não. Ninguém quer salvar ninguém e compaixão não é paixão, muito menos amor. Não entendeu? Bem, vamos lá. Eu disserto. Eu gosto de fazer isso.

Você tem que estar bem para encontrar sua cara metade, sua alma gêmea, seu amor, seu chuchuzinho, seu parceiro, seu bofe, ou como quer que você queira chamá-lo. Para mim, o desespero por encontrar alguém já denota uma insatisfação, que provavelmente é reflexo de outras áreas da vida. E aí, como posso te falar, você repele os rapazes legais, e só atrai os malas. Com quem você gostaria de namorar: a menina plena, bem resolvida e interessante ou aquela com vácuos e falhas na vida, apostando sua salvação em um namoro? Bingo! Você entendeu. Ninguém quer a desesperada. Se você é uma desesperada, você acha que disfarça isso para os outros, e talvez até consiga mesmo, mas o que não sabe é que exala uma espécie de essência negativa. Feromônios defeituosos, arrisco-me a dizer, apropriando-me do termo científico amadoramente.

É preciso se amar primeiro para permitir que alguém te ame também (e que você o ame reciprocamente!). É clichê dizer isso, mas é a maneira mais simples de expressar essa ideia. Deve-se amar o trabalho, os estudos, os amigos, a família, a academia, a dieta, enfim, tudo o que te cerca. Se esse não for o caso, faça mudanças na sua vida, corte incômodos, adicione prazeres. A realização transparece na maneira como se sorri: um sorriso feliz é diferente de um sorriso por pressão social. Todas as pessoas legais que apareceram na minha vida aconteceram quando eu estava bem. Tenho uma teoria: quando se busca “o cara” você só encontra “os caras” (que não servem) e, quando não se busca, aparece alguém legal naturalmente. Não é uma recomendação para se trancar em casa e esperar o príncipe encantado – porque isso te faria uma mulher problemática, e não é sobre isso que estou falando – mas também não acredito em “sair à luta”. Caçar pressupõe que algo não está bem. Você só caça quando tem fome. “Cara feia, pra mim, é fome”, invertida, fica assim: fome, pra mim, é cara feia. Logo, você caça de cara feia!

Se você acredita que um namorado vai animar sua vida, há um problema. Se você precisa de animação, a conquiste por si mesma, de outras maneiras. Um namoro é mais consequência do que causa da felicidade. Quando você está mal, as pessoas se afastam. Isso é senso comum. Agora, quando você está bem, as pessoas se aproximam, porque você é uma boa companhia. Basicamente, a melhor maneira de atrair um namorado legal é não buscá-lo diretamente, ao meu ver. Busque outras satisfações, realizações; preencha outras lacunas; e ele aparecerá. Coloque-se no lugar do outro. Assim como você quer alguém bem sucedido – e não me refiro a termos financeiros especificamente – eles também querem. Desespere-se por arrumar sua vida, porque ninguém vai fazer isso por você. Com a casa limpa, aí sim você pode receber visita.

4 respostas para Busca-se namorado perfeito pra mulher desesperada

  1. marina

    ” Caçar pressupõe que algo não está bem. Você só caça quando tem fome. “Cara feia, pra mim, é fome”, invertida, fica assim: fome, pra mim, é cara feia. Logo, você caça de cara feia!”

    huahuau genial!

    mas eu super gostaria de me namorar agora, tá? :PPPPP

    to brincando. mas amei o texto, como sempre!

  2. Érica

    Gostei mt, Léo! Mt bom!
    E falando sobre relacionamentos ou pessoas que querem passar uma imagem, etc, estava pensando numa coisa agora há pouco: em como é fácil perceber pelo fb quando uma pessoa terminou um relacionamento, msm q vc mal saiba sobre a vida dela, nao tenha intimidade ou nem conheça mt bem.. hahahah Esse assunto tbm rende! Rs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s