Maratona Oscar 2013: O Amante da Rainha

Esse post faz parte da maratona contra o tempo para ver o máximo de filmes possíveis antes da cerimônia do Oscar 2013, marcada para o dia 24 de fevereiro (acompanhe o processo)

Indicação: Melhor Filme Estrangeiro

Vi “O Amante da Rainha” no cinema na semana passada e esqueci de comentar minha opinião aqui. O filme – que representa a Dinamarca na disputa pela estatueta – é um típico de reinado, ou seja, jogando todos os podres da realeza no ventilador. Temos um rei louco, uma rainha adúltera, um médico manipulador socialista, uma madrasta a fim de um golpe de Estado, enfim, todos os ingredientes típicos.

O filme não é ruim, mas também não é bom, porque dá a impressão de que você já o assistiu antes – milhares de vezes. De forma alguma, equipara-se a “No” (Chile), “Amour” (França) ou “War Witch” (Canadá), os outros longas concorrentes ao título de Melhor Filme Estrangeiro. Todos são menos óbvios e apresentam elementos mais originais.

En-kongelig-affære

Responder a Maratona Oscar 2013: O Amante da Rainha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s