O Facebook e a visita cruel do tempo

Jennifer Egan, uma autora que descobri com o livro “A Vida Cruel do Tempo” (e com quem já vivo uma relação de amor e inveja), disserta com bastante propriedade sobre a interferência da Internet nos relacionamentos contemporâneos. Não aceitamos perder ninguém de vista e deixar simplesmente o tempo passar.

No livro, a autora fala mais de uma vez sobre como qualquer pessoa é encontrável no Google. Sobre as redes sociais, ela diz que incentivam questionamentos como “o que terá acontecido com [fulano]?”. Um trecho específico diz que “os reencontros levarão à descoberta mútua de que ter feito um safári juntos 35 anos antes não significa que se tenha muita coisa em comum”. O mesmo vale para colegas do jardim de infância, companheiros antigos de esporte ou vizinhos que nem sabemos mais de onde eram. Todos ficam reunidos na mesma lista de contatos, lado a lado, como um álbum da vida.

O problema é a constância do álbum, como se o tempo deixasse de passar com todos aqueles rostos te olhando diariamente pela tela do computador. Afinal, não passa disso: uma maneira de não deixar a vida seguir adiante. Você não precisa conversar com nenhum deles, mas é inadmissível não tê-los adicionados no Facebook. Mesmo aquele garoto que você detestava na época do colégio e que, seguindo o rumo natural dos acontecimentos, nunca mais voltaria a ver está adicionado. As redes sociais tornam todos amigos. “Amigos”.

Ter 787 pessoas adicionadas – é esse o meu número exato de contatos no Facebook – não expressa popularidade, mas vivência. Já conheci muita gente ao longo da vida, mas quem não? Tê-los todos ao alcance de um clique é uma ilusão, porque não comparecem mais de 20 pessoas nos meus aniversários. Não passa de uma maneira de impedir que certas épocas passem definitivamente e que a vida faça sua seleção natural.

Responder a O Facebook e a visita cruel do tempo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s