Quebradeira das vassouras

– Será que ele vai conseguir?
– Vai sim.
– Mas e se não conseguir?
– Vai conseguir.
– Tô com medo.

A conversa acontecia entre a mãe de um garotinho e um treinador de muay thai (boxe tailandês), durante os exames para a troca de faixa/nível. O assunto era a “quebradeira de vassouras”. Minha amiga já tinha me falado sobre isso:

– Agora é a melhor parte: a quebradeira das vassouras.
– O quê?
– Quebradeira das vassouras.
– Literalmente?
– Sim! – e nesse momento avistei os cabos de madeira, o que me ajudou a acreditar. Pensei que essas coisas só existiam em programas de TV bizarros. Mas não.

De repente, estava todo mundo ali, disposto a quebrar um cabo com um chute (algumas pessoas eram indicadas a quebrar dois cabos de uma vez!). Várias crianças. Assustador. “Jamais vão conseguir”, pensei. Me enganei. Todo mundo quebrou, inclusive o filho daquela moça preocupada. Torci especialmente para ele. Cruzei os dedos torcendo para os fracos e oprimidos.

Nunca imaginei que torceria para alguém quebrar um cabo de vassoura. Não é o tipo de pensamento que passa pela minha cabeça. Mas lá estava eu, torcendo. Uma mulher quase não conseguiu. Torci pra ela também. Chutou várias vezes e nada. Quando o cabo por fim quebrou, ela se emocionou. Aquilo era importante para ela. Só quem não conseguiu foi um menino, que tinha mania de ajeitar o pênis nos shorts. Parece que se machucou. Fiquei com pena e achei frustrante. Não me reconheci. Eu jamais quebraria um cabo de vassoura sem a ajuda de uma ferramenta, uma faca que fosse. Uso as duas mãos para quebrar o palito de dente.

Anúncios

Responder a Quebradeira das vassouras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s