17 Comentários sobre o VMA 2011 – e nada mais!

1
A noite do Video Music Awards (VMA) começou com uma performance indiscutivelmente boa da cantora Lady Gaga, que apareceu vestida de homem, entre fumaças de cigarro, e cantando Yoü and I, seu novo single. E ainda tocou piano.

Destaque: Enquanto ela cantava, outros rostinhos chamavam a atenção na plateia: Katy Petty, com cara de “eu poderia ter feito isso”; Taylor Lautner com sorriso amarelo; e Justin Bieber de óculos, fazendo o intelectual.

2
Em seguida, Nicki Minaj subiu ao palco com o ator Jonah Hill para apresentar a categoria de melhor vídeo pop. Momento vergonhoso: a cantora lendo descaradamente o teleprompter, enquanto o comediante fazia piadas forçosamente ruins. Foi dispensável. Quanto ao prêmio, ficou para Britney Spears, que pareceu verdadeiramente surpresa – “eu não esperava!” (ela sempre diz isso). Mas o chato é que sempre dá Britney: a MTV americana adora dar aquela força para ela se reerguer.

3
Com menos produção e provando a diversidade do evento, Kanye West e Jay-Z apareceram de jeans, camisa de malha e boné para cantar “Otis”, música do álbum que eles vão lançar em duo. Foi maneiro.

4
Acho irônico quando a MTV coloca Miley-Hannah-Montana-Cyrus para apresentar a categoria de melhor vídeo de rock. Mas é pior ainda quando ela sobe ao palco usando um vestido verde estranho, que mais parece um tapete velho enrolado ao corpo. O prêmio foi para o Foo Fighters, mais do que válido.

5
Vídeo de Joe Jonas (Brothers) com Rebecca Black = dispensável. Sem mais comentários.

6
E quando Nicki Minaj (foco no cordão de sorvete!) voltou ao palco para receber o prêmio de melhor clipe de hip hop? Fiquei na dúvida se ela é naturalmente exagerada (comportamentalmente falando – e não visualmente) ou se ela faz tipo. “OOOOOOOOO(…)OOOOH MYYYYYYYYY GOOOOO(…)OOOOD!” Mas foi válido, por ser a única mulher concorrendo na categoria.

Destaque: Lil Wayne ficou todo prosa, parecia que era ele vencendo.

7
Demi Lovato reapareceu pós-rehab, ao lado de Chord Overstreet(ex-Glee), para apresentar a categoria de melhor parceria. Conclusão: ela se curou mesmo da bulimia, porque está bastante, hum, rechonchuda. Valeu a intenção de desviar as atenções para o decote generoso, mas não funcionou.

O prêmio foi para “E.T.”, de Katy Perry com Kanye West. Eles se encontraram no palco e ela fez uma super festa. Foi um momento bastante contrastante. Ela falou bastante, toda sorridente e feliz. Ele… não. É que o cara estava concorrendo com um clipe seu, com parceria com os “manos”, então ele queria ganhar por isso, mas não rolou. Ficou chato, porque ele pareceu estar desdenhando da parada. Mas ele é assim.

8
A apresentação de Pitbull, Ne-Yo e Nayer foi legal, mas totalmente aquém quando você sabe que o rapper convidou Lindsay Lohan para cantar com ele e ELA NÃO ACEITOU. Imagina como seria legal vê-la cantando depois de tantos anos. Aliás, é legal ver Lilo fazendo qualquer coisa depois de tantos anos de rehab, prisões, tribunais… menos trabalho. Lindsay peidando depois de tantos anos? Queremos ver.

Destaque: Kim Kardashian batendo palminhas fora do ritmo.

9
Adele, como sempre, arrasou em sua apresentação de “Someone Like You”. A única que cantou paradinha – sem contar Jessie J, que estava com a perna quebrada – concentrada na letra e acompanhada apenas do piano. Esculachou. É disso que eu gosto: uma cantora que chega e solta o vozeirão com a mão no coração e cara de sofrida. Amo.

Destaque: Todo mundo aplaudindo de pé, sabendo que não chega aos pés dela; Britney Spears, no fim da apresentação, esticando o pescocinho para ver Adele mais um pouco. É fã.

10
Quando a recém-casada Kim Kardashian apareceu para anunciar o vencedor da categoria de melhor vídeo masculino, todo mundo já sabia: só podia dar Justin Bieber (lembra quando diziam que eles tinham um caso?). Antes de subir no palco, ele deu um selinho na Selena Gomez e depois agradeceu a Deus, a Jesus e ao raio que o parta.

11
Eu tenho simpatizado com Chris Brown, mas achei sua performance meio fora de contexto. Era para ser superprodução? Foi micagem. Sua apresentação foi, como definiu Thundercat, “circense”, com muito streetdance e vôos pelo teatro, mas mesmo assim… morna. Sem contar o playback.

Destaques: Kanye West assistindo ao show de pé, mas sem mover o pé; Justin Bieber vibrando, enquanto pensava “Mãe, eu quero voar também”.

12
E a homenagem para Britney Spears? Incrível! Quanto a ela merecer uma homenagem ou não, prefiro não opinar. Mas o resultado foi ótimo. Gostei de Lady Gaga ser a responsável por entregar o troféu à Britney e, mais ainda, das performances dos bailarinos (muito inteligente da parte dos organizadores colocarem bailarinos para fazer o que a cantora já não é mais capaz…). Só não curti que Lady Gaga não saiu do lado da homenageada, falando o tempo todo, não deixando brilhar quem deveria. #saidaíladygaga

Destaque: Kim Kardashian com cara de “Britney não é minha amiga. Caguei”.

13
Depois do playback do Chris Brown, palmas para Beyoncé ao vivo (embora a música seja bastante chata…). Mas foi totalmente desnecessário ela abrir o casaquinho para passar a mão na barriga no fim do mundo. Envolver gravidez com show business é feio, garota.

Destaque: Adele balançando o corpinho no ritmo da música.

14
Os ídolos teens Selena Gomez e Taylor Lautner apresentaram a categoria de artista revelação. O prêmio foi para Tylor, the Creator (?), que subiu ao palco com a galera.

Destaque: A mãe dele tendo ataque epiléptico durante a comemoração; Selena Gomez fugindo dos manos.

15
Lady Gaga venceu a categoria de melhor vídeo feminino e subiu ao palco vestida de homem novamente. Fez seu teatrinho – “A Lady Gaga não veio, mas gostaria que eu agradecesse a…” – e fez um discurso bonitinho pró-LGBT.

Destaque: Adele batendo palminhas ritmicamente.

16
Emocionante mesmo foi a homenagem à Amy Winehouse, que conseguiu me fazer lacrimejar. Só foi tosco colocar Russel-cala-a-boca-Brand para discursar, mas as coisas melhoraram quando Tony Bennet entrou no palco. O trechinho do vídeo exclusivo dele cantando com Amy, gravado em março, foi a gota d’água. Impossível passar batido por isso. Bruno Mars também arrasou cantando “Valerie” e conseguiu dar uma levantada no ânimo da homenagem – que estava enveredando para o obituário…

17
E Katy Perry foi receber o prêmio mais importante da noite – vídeo do ano – com um cubo amarelo na cabeça, que já conta com o cabelo rosa dela. Depois dessa… só mesmo Lil Wayne mostrando a cueca. Fim da noite.

Anúncios

5 respostas para 17 Comentários sobre o VMA 2011 – e nada mais!

  1. rosangela

    eu gostei do vma mais ele deixou a desejar quando entregou o premio de melhor perfomace masculina ao justin……..kom tanto HOOOMEEEM MASSSCULINO la como o bruno mars ;ne-yo…….e justo o aprendiz de homem vai ganhar…francamente;;;;;;;;;;;;;;;;;;

  2. Brunin

    Beyoncé não é dessas de querer aparecer, eu não acho, nem ela nem JayZ, eu achei bacana ela mostrar a barriguinha sim, ela parecia tão feliz! Se ela quisesse mesmo aparecer, teria contado antes dos 4 meses de gravidez, aliás se ela quisesse mesmo, já teria marcado o parto ao vivo, como já aconteceu hahaha.
    O mais bacana foi Kanye e GaGa super felizes, eu queria tá lá também hahaha

    Lady GaGa estava impagável e muito engraçada. A Britney, bom… Eu não sei, concordo com você. Já não consegue fazer nada.

    E achei Adele chata, parecia incomodada.

  3. CKARLOS

    PORRA,SOU M,UITO FAN DO WEEZY MAS ADIMITO QUE A APRESENTAÇÃO DELE FOI UM FIASCO..PORÉM ELE COMPENSOU COM O THE CARTER 4,ESSE ALBUM É FODA,MAS ACHO QUE NÃO SUPEROU O CARTER 3,MAIS O LIL WAYNE É UM GENIO ANO QUE VEM VAI SER DELE….E SOBRE MOSTRAR A CUECA NORMALZ ELE SEMPRE FOI ASSIM OS RAPPERS SÃO ASSIM,ENTÃO A CONCLUSÃO O GRAMY DESSE ANO FOI UM FIASCO O VMA TBM FOI,NENHUMA APRESENTAÇÃO FOI INCRIVEL TUDO NORMALZ DE MAIS…O QUE REALMENTE EU NÃO ENTENDI FOI A LADY GAGA VISTIDA DE HOMEM E MANDANDO RECADO PRA ELA MESMA …E, FIM PRADIERO DE LOUCOS NO VMA 25011.

    RESPOSTA DO LÉO – A Lady Gaga vestida de homem é, teoricamente, o se alter-ego. Ela aparece assim no seu clipe mais recente. Foi uma forma de se divulgar. Ela é dessas.

  4. Kaio Cavalcante

    Todo comentário é bem vindo… Já que você criou 17 comentários, eu tenho apenas 4 pra você refletir melhor sobre seu post, 4° Beyoncé fez da sua vida um livro aberto pra impressa, ou você vai dizer que preferia os escândalos ocultos do Michael Jackson? Ela fez bonito e brilhou mostrando ao mundo o novo milionário. 3° Será que uma cantora cantando as mesmas músicas para a mesma pessoa na mesma situação sobreviverá no batalhado mundo POP, Adele precisa de muito mais que uma bela voz. 2° Britney conseguiu mostrar a imagem centrada que tanto ela lutou pra conseguir nesses dois anos e tirar definitivamente a imagem de louca e inconsequente, o troféu Michael foi merecido, ela já fez sua história! 1° Lady Gaga é a artista mais completa da atualidade, em meio a muitos comentários sobre uma possível apresentação luxuosa, épica e feminina a Mather Monster aparece como homem cantando e assustando a platéia, sim, ela conseguiu novamente parar o mundo.
    Espero que aceite o comenn.. Fiz com muito carinho! 🙂

  5. juniorDawnson

    Gostei de seus comentários cada um tem sua opnião, Parabéns!! Mas ai falar mau das Divas Britney, Lady Gaga e Beyonce faça-me um favor… Elas são o Show e nós assistimos apenas, pq se fizessemos melhor estaria-mos lá no lugar delas ^^ Kisses honey **

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s