Garotada barrada por atraso no ENEM

Acho que eu curti o ENEM mais esse ano do que quando eu fiz a prova. Isso porque dessa vez eu cheguei à UERJ uma hora antes do exame começar e permaneci lá embaixo por mais vinte ou trinte minutos depois dele ter começado. Da sala de aula, eu não tinha idéia de tudo que rolava enquanto esperava a prova começar. Outra experiência e ponto de vista.

Dá muita pena ver os portões fechando e as pessoas sendo barradas. Ok, muito disso é culpa delas mesmas. Mas mesmo assim. A maioria ainda é adolescente e eu sei a pressão que estão passando (em níveis variados, é sempre uma barra). Quem se prepara para essas provas então… imagina. Estudar o ano inteiro e, quando chega o grande dia, ficar do portão pra fora. É punk. Deu dó.

Acho que todo mundo se envolve. Quando a hora do portão da faculdade fechar chegou, a repórter da Globo – Lília Teles – dizia para os guardas: Fecha devagar! Devagar! É engraçado (eu ri na hora), mas mostra bem isso que eu to falando. E o pior é que enquanto ela pedia pelo slow motion, uma galera chegava correndo – colocando os bofes pra fora, como diria minha mãe – com medo (com razão) de perder a prova.

E é a mesma coisa todo ano, né? Sempre tem gente atrasada o suficiente para ficar de fora. Galera, aprende: sai de casa com antecedência. É melhor chegar cedo e esperar demais do que só poder fazer a prova no ano seguinte, não é verdade?

Responder a Garotada barrada por atraso no ENEM

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s