O bandido tenta mais uma vez

Saída da faculdade. Esquema de sempre: Leonardo se arrastando, morrendo de sono, cansaço e com a cabeça explodindo.

– Lembra aquele dia do assalto?
– Lembro! Falei pra minha mãe, ela falou para irmos pro outro ponto.
– Super prefiro esse mesmo. Pro outro, tem que subir aquela escada…
– Fato! Ela disse que esse aqui é longe, nem é.
– Fato que não. Pelo menos, ando no térreo. Escadaria me deixa bufando.

E aí, quem eu vejo?

– Thati, aquele ali não é o bandido do outro dia?
– É ele mesmo!
– Ai, meu Deus!

Fomos para o ponto de ônibus. Tava cheio, mas sabemos que isso não intimida o nosso já conhecido ladrão de aparelhos. Para a piorar a cena, ainda chovia, o que nos fazia ficar com guarda-chuvas abertos, impossibilitando uma boa visão do nosso assaltante.

– Tá vendo ele, Thatiana?
– Tô, tá no mesmo lugar.

Resolvi dar uma olhada.

– Cadê ele? Cadê ele, Thatiana? Não tô vendo!
– Ele tava ali agora mesmo!
– O bandido sumiu!
– Ele tava ali quando olhei pra trás.
– Que? Ele tá aqui atrás? – esse é meu dom para velha surda.

E aí rolaram algunos minutos de tensão sem saber se era melhor o ladrão desaparecer (de vez) ou se era melhor tê-lo sob o alcance dos nossos olhos. Qualquer movimento era suspeito. Estava me assustando à toa.

– Thatiana, ele tá vindo!
– Tá?
– E com mais um! – eu, já fazendo sinal pro ônibus.
– Esse ônibus não serve, Léo!
– O que não serve é ficar aqui!

Essa é a nossa nova vida. Aguarde o próximo episódio.

Anúncios

Uma resposta para O bandido tenta mais uma vez

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s