Caetano e eu agora somos amigos

Tava bem frustadinho porque não tinha ninguém para ir comigo ao show do Caetano e sozinho eu não tava a fim de ir não. Aí que minha mãe me acompanhou ao Vivo Rio, mas sem ingressos. Tentar algo na sorte, porque somos desses.  Chegando lá encontramos uma mulher vendendo vááááários ingressos a $20, porque sua família não podia mais ir ao show, algo assim. Mas eu não queria pagar não. Minha mãe, espertona, convenceu a mulher de que ninguém ia comprar aqueles ingressos e a coitadinha nos deu de graça. Fiquei feliz que só. Fui dar uma volta porque ainda faltavam algumas horas para o show.

Nessa volta, vi várias celebridades que chegaram cedo para dar aquela tietada no camarim. Patrícia Poeta (quero roubar a sua vaga…), Pedro Bial (você é ídolo demais…), entre outros. Segui circulando e quem eu vejo caminhar despercebidamente e totalmente na sua? Ele. Caetano. Passando por mim. Falo ou não falo? Falo.

– Caetano! Animado pro show no Rio?
– Ah, oi, er, sim, sim. Muito animado. Vai assistir?
– Vou. Consegui agora os ingressos.
não acredito que estou conversando com você.
– Olha, eu tenho que ir… – não acredito que ele tá me gongando.

E aí segui passeando sem destino, reencontrei minha mãe e ela tava de papo com a mulher que nos deu os ingressos. Viraram amiguinhas. Ótimo. Fui dar mais umas voltas. Vi Caetano de novo, num cantinho, mas nem ia abordar de novo né. Não vou fazer o incoveniente.

– Hey! – ele tá me chamando? é isso mesmo?
– Oi? – que que eu fiz?
– Desculpa aquela hora. É que achei que você ia querer tirar foto, pedir autógrafo, essas coisas.
– hahaha Não! Só queria conversar. – que declaração de gente solitária a minha, o que ele vai pensar de mim?

E esse foi o start de toda uma conversa. Caetano me apresentou os amigos que tavam com ele nesse momento, falamos de suas músicas, eu disse que não tinha uma preferida, mas várias, falamos do Zeca (ele é lindo! só pegou os melhores genes do pai e da mãe! haha) e quando dei por mim já estávamos passeando juntos.

– Você já tá pronto pro show?
– Eu não. Ainda vou em casa e quero dar uma passada na praia. – é por isso que os shows atrasam.

Nessa de ir para casa, Caê (era esse o vocativo que eu estava usando) me chamou para andar de moto pela primeira vez. E lá fui eu, com certo medo, mas achadno um máximo estar na moto do Caê, com o Caê, indo para a casa do Caê. Me senti como as pessoas que conviveram com Tom Jobim (outro dia estava pensando nisso, em como eu seria paga pau dele na época). Papo de parecer sonho.

Mas no meio do caminho, Caê encontrou uns amigos e ficamos de papo com eles. Não fomos para casa, nem para a praia. Caetano é desses… imprevisíveis. Mas eu não tava nem aí. Tava abestalhado com tudo que tava acontecendo. Minha mãe nem me ligava para saber onde eu estava ou algo parecido. Eu queria dizer para alguém “Ah, oi, eu tô dando umas voltas de moto com Caetano Veloso”. Sou desses.

E aí que voltamos pro Vivo Rio e eu fui encontrar a minha mãe para o show.

– Mããããe!
– Onde você tava?
– Eu tava com o Caetano! Conversamos tanto!

Pura excitação. E aí eu acordei. Olhei no relógio: 11 horas. Ah, não. Tenho mais uma hora de sono. De sonho. Quero saber a continuação. Virei de ladinho, fechei os olhinhos e repassei tudo que tinha acontecido: eu e Caetano de papo, na moto, amigos, blablablá… e consegui voltar para a história. Uma vitória.

Aí Caetano, já com a roupa do show, me ligava (ai, gente, só em sonho, né?) e falava para eu ir na entrada de trás que ele ia me dar ingresso vip. Lá fui eu né.

– Você tá com alguém?
– Só com a minha mãe.
– Tá, então…
– Ah, não. Na verdade, sou eu e mais 2. – é justo eu levar a mulher que nos deu os ingressos anteriores comigo, né?
– Então, toma aqui. Primeira fila, mesa central.

E lá fui, com entradas vipérrimas. Sentei na primeira fila com minha mãe e a nossa nova amiguinha. Esperando Caê entrar no palco. Mas aí eu acordei. Definitivamente, eu acordei. Não era para eu ver esse show mesmo – nem em sonho. Mas acordei feliz da vida. Me respeitem, sou amigo de Caê.

Anúncios

3 respostas para Caetano e eu agora somos amigos

  1. Thatiana

    Já tava quase te ligando incrédula pensando: “Não acredito que vc falou com Caetano!” Mas infelizmente no final li que era um sonho. Frustrada fiquei, confesso. hahhahahaahahahahaha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s