Crise existencial

Nunca entendi quem tivesse dúvidas sobre a carreira que queria seguir. Sempre achei que muito mais a profissão nos escolhia do que nós escolhíamos ela. Sei lá. É como se nascêssemos com um talento especial e só nos restasse disfrutá-lo profissionalmente. Bem, agora acho que não é assim não. Tô entendendo todos vocês, indecisos e/ou vagabundos.

Pela primeira vez na vida, estou com dúvidas. Não estou me sentindo qualificado o suficiente pra ser jornalista. Todo mundo sabe que eu quero trabalhar com televisão. Mas, na verdade, eu odeio me assistir. Sou péssimo diante das câmeras. Escrever sempre foi meu porto-seguro. Algo que eu sabia que fazia direito. Já não sei mais também. O meu “direito” tem me parecido tão básico… e com o básico não se chega a lugar nenhum.

É tão difícil também arrumar um estágio bacana. São mil processos seletivos, alguns cansativos, de várias horas e vários dias, para nada. Não tenho dado uma dentro! Isso desanima. Estou me reacostumando à vida de vagabundo. Dessa vez, diferente, sem perspectivas.

Sei lá. Tô com medo. Vai que termina a faculdade e eu uso o diploma apenas de item decoratório? Valor ele já não tem mais. E do meu valor também não estou mais tão certo. O pior é que não tenho idéia de que outra profissão eu poderia seguir. Quando é o concurso pra gari?

Anúncios

Responder a Crise existencial

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s